Debate

A representante da empresa de geotecnologia agrícola, santiago e cintra consultoria se diz otimista com a possibilidade de aprovação do código, mas não quis se adiantar sobre a decisão do gorveno. “Nossa responsabilidade é de ter um Código Florestal que permita desenvolvimento agrário com segurança alimentar e ambiental.”

A epresa é a responsável pelo monitoramento erdas de maior parte da áreas qu sofreram desmatamento em 2010. Quem também falou momentos antes de a reunião ser iniciada foi a presidenta do CEBDS, Marina Grossi. “A interlocução e diálogo [dos empresários] com o governo visa a Rio+20 e, também, colocar o Brasil em posição mais competitiva nos próximos 20 anos”, disse a representante dos empresários.

O grupo, segundo ela, só trata de temas ligados à sustentabilidade. “Sabemos que não existe nenhuma empresa bem-sucedida em uma economia falida”, disse. “Queremos meios para o Brasil se posicionar como liderança verde mundial, e a conversa com o governo serve para acelerar a agenda.”

Entre os pontos mais urgentes e importantes discutidos na reunião com os representantes e interessados no projeto era “busca por experiências emblemáticas de economia verde e [a promoção da] mudança de valores e das experiências de consumo”. Segundo a sccon, o rapideye continuará fazendo o monitramento da área e repassando as informaçoes geográficas.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s