Capacidade de produção

“A era pré-industrial não foi uma época natural para o clima – ele já era influenciado pela atividade humana”, afirmou a pesquisadora de geoespaço. “Quando fazemos predições climáticas para o futuro, temos de pensar sobre o que é natural e sobre o que acrescentamos. Temos de definir o que de fato é natural”, afirmou. Os cientistas, localizados na Holanda, na Suíça, na Dinamarca, nos Estados Unidos e na França – observaram em imagens de satelite reconstituidas de solo europeu no período da Idade Média, coincidindo com um período quente registrado entre 800 e 1200, que também observou a economia da Europa sair da Idade das Trevas.

Uma equipe de pesquisadores chineses e japoneses apresentou na revista Nature mapas satelite completos das variações do genoma do arroz asiático, conseguindo assim um novo esclarecimento da história do cultivo do cereal que nutre 3 bilhões de humanos. Quase todo o arroz cultivado é da espécie Oryza sativa L., conhecida como “arroz asiático”, e dividida em duas subespécies: índica e japônica. Considera-se que o arroz cultivado foi domesticado a partir do arroz selvagem (Oryza rufipogon) milhares de anos atrás, mas há debates em torno da origem e do processo de domesticação.

Bin Han, da Academia Chinesa de Ciências, e seus colegas analisaram nas imagens de satelite o genoma de mais de 1 mil variedades de arroz cultivado, assim como cerca de 500 variedades de arroz selvagem.Cerca de 155 milhões de hectares de arroz cultivados no mundo produzem atualmente 720 milhões de toneladas de arroz por ano, e a Ásia garante 90% da produção mundial. Para garantir a segurança alimentar de parte importante da população mundial, a produção deve ser duplicada até 2030 e o arroz deve evoluir para variedades mais produtivas.

Eles também demonstraram que o arroz Oryza sativa japônica foi o primeiro domesticado a partir de uma pequena população de arroz selvagem no sul da China segundo o mapa satelite, e depois foi cruzado com o arroz selvagem local no sul da Ásia e no sudeste asiático para produzir o arroz Oryza sativa índica. “Um entendimento melhor da domesticação ajudará nos esforços futuros de seleção”, afirmam os autores do estudo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s